Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Give me 5 minutes

Give me 5 minutes

Aprendam com as cegonhas

É  impressionante  a resistência que os ninhos das cegonhas têm.  Ano após  ano vejo-as chegar e instalarem -se  nos seus  "condomínios" . Estes ninhos que aguentam  ventos fortes, chuvas intensas temperturas altas  são  um claro exemplo de uma excelente construção. Não  deveria o homem "estudar" a forma como são  construídos e adaptar às  nossas casas?

 

InShot_20190528_042401253.jpg

 

I'll Never Love Again

Muito se tem falado sobre a fantástica banda sonora do filme  "A Star is Born" que tem como actores a Lady Gaga e o Bradley Cooper.

Muitas das músicas deste filme têm passado diariamente nas rádios, e já sabemos a letra de cor.

No entanto uma das músicas que não ouvi ainda em nenhuma rádio é a cançao I'll Never Love Again.  É esta que encerra o filme e como gosto muito resolvi partilhá-la convosco.

E por ai alguém ficou fã desta música?

Chicago PD a série mais realista que já vi

 

IMG_20190520_135303.JPG

 

Chicago PD é uma série de televisão  do género policial que retrata de uma forma realista o que se passa dentro de uma esquadra.

O Distrito 21 do Departamento de Polícia de Chicago é constituído por dois grupos diferentes. Os polícias fardados que patrulham e enfrentam os crimes da cidade, e a  Unidade Inteligente , (Intelligence Unit ) a equipa que combate os maiores crimes da cidade - crime organizado, tráfico de droga, homicídios complexos, entre outros.

Porque é que esta série é realista? Porque ao contrário das outras que tenho visto onde os agentes são sempre corretos e bonzinhos com os criminosos neste caso o  responsável pela Intelligence Unit  (Sargento Hank Voight) um homem que possui o seu próprio senso de justiça e  que está sempre disposto a contornar a lei, seja para proteger as pessoas próximas, seja para fazer o que acha ser o certo ou para seu próprio benefício é um líder nato. É rígido e exigente, mas  tudo  faz para proteger a sua equipa e descobrir os criminosos.

Não se inibe de usar da violência, da chantagem de  burlar a lei  desde que consiga resolver os seus casos.

A equipa é pequena mas respeita-o e procedem todos de igual forma, daí o sucesso que  a equipa tem na resolução dos crimes.

O fantástico desta série é que os meios usados pelas forças policiais para desvendarem os crimes são mostradas tal como acontecem.

Outra coisa fantástica nesta série é a ligação que fazem com outras séries  que também  recomendo Chicago Fire  e Lei Ordem.

E vocês já viram alguma destas séries ?

 

Eu sou alérgica às manhãs e tu?

 

InShot_20190513_213034062.jpg

Recorrentemente vejo nas redes sociais publicações de pessoas que se levantam de madrugada  com energia e disposição para praticar exercício  fisico seja em ginásio ou ao ar livre e penso... como é possivel   pular da cama e começar  logo a treinar????  Gente doida!!!

 

Eu, apesar de raramente acordar mal disposta  só  começo a funcionar  3 horas depois de  abrir os olhos  e de ter tomado 2 cafés. Nem sequer penso  ir ao ginásio  de manhã porque sei que comigo não  resultaria. Não  sou produtiva logo de manhã.

Prefiro  treinar no final do dia  ( nem sempre me apetece mas como sou muito disciplinada vou  mesmo sem vontade) porque apesar de estar cansada posso esforçar-me  porque de seguida  vou para o aconchego do sofá. Bem, nem sempre isso acontece... mas gosto bastante daquele cansaço  que nos relaxa conhecem a sensação?

 

E vocês preferem treinar de manhã ou no final da tarde? 

Preferem ginásio ou treinar na rua?

E em que parte do dia são mais produtivos?

 

Refrescando...

Com o calor que se tem feito sentir  por todo o país é refrescante olhar para fotografias assim.

 

InShot_20190204_223515166.jpg

 

8ª edição do UTSM - 17 e 18 de maio

 

 

IMG_3110.jpg

 

Decorre nos próximos dias 17 e 18 de maio a 8ª edição do UTSM - Ultra Trail de São Mamede

O UTSM decorre nos concelhos de Portalegre, Castelo de Vide, Marvão e Valencia de Alcántara (Espanha), repartido em quatro distâncias de 110, 43, 22 e 12 Km.

A prova principal é a mais longa e este ano  conta com mais 10 km do que o habitual.

Ao longo do percurso os atletas encontrarão declives, desníveis e trilhos técnicos que irão exigir alguma destreza. 

A partida para a distância dos 110 km está marcada para as 22h00 de sexta feira, 17 de maio, no  Estádio Eduardo de Sousa Lima ( Assentos) em Portalegre e tem como limite 26Horas. 

Sábado, 18 de maio, entrarão nos trilhos mais 800 concorrentes distribuídos por três distâncias:

 

  • A Maratona de São Mamede (43 km) que arranca às 9h00 de São Julião;
  • a Meia-Maratona (22 km) que tem o inicio marcado para  as 10h00 em Alegrete e o
  • Trail Curto  que terá inicio às 16h00, no Reguengo.

 

À semelhança  das edições anteriores a  prova conta com o apoio de centenas de voluntários, distribuídos pelos onze postos de apoio e controle.

Para mais informações deixo-vos o link da UTSM aqui

 

Nota : este texto demora cerca de 2 min a ler.

Obrigado Senhores(a) Enfermeiro(as)

12 de Maio, Dia Internacional  do Enfermeiro.

Aqui presto uma singela homenagem a estes profissionais relembrando a importância que esta classe tem na prestação  de cuidados de saúde à população em geral.  

4f9c901aae750c3c62454a18d58f25a6.jpg

Florence Nightingale

 

Oriunda da nobreza inglesa, Florence Nightingale (1810-1920) impulsionou a arte de cuidar para o campo das profissões, qualificando o cuidado prestado a feridos e doentes, hospitalizados ou não.

Mesmo vivendo de forma aristocrática e refinada, Florence Nightingale era uma mulher de atitudes simples, que valorizava a vida humana sem distinção.

Cosmopolita, era avançada para o seu tempo, abdicou do matrimónio para se dedicar ao que lhe era mais peculiar: cuidar da vida de pessoas necessitadas e debilitadas apesar da oposição da sua família.  

Em 1854, surgiu a oportunidade para seguir para o hospital militar inglês em Scutari, que atendia os feridos anglo-franceses na Guerra da Criméia, onde os soldados morriam vítima da cólera e do frio.

Durante a noite, Florence Nightingale visitava os feridos levando uma lanterna de campanha para iluminar os longos corredores e os próprios soldados a quem prestava cuidados necessários. O efeito da luz, além de possibilitar a atenta observação,apaziguava a dor e solidão dos feridos, animando-os na luta contínua pela vida. Por isto o  jornal The Times, de Londres, apelidou -a como a“A Dama da Lâmpada”.

Desde então a lâmpada tornou-se o símbolo da Enfermagem no mundo e sua representação foi estilizada, assumindo a forma de uma lamparina grega, tipo lâmpada de Aladim.

 

 

Nota : este texto demora cerca de 3 min a ler.

A minha cidade na Rádio Comercial

Muito orgulhosa da minha cidade.

Obrigado à Rádio Comercial pela canção de divulgação. 

 

 

Situada no Alto Alentejo rodeada pelas Serra da Penha e Serra de São Mamede que  pela  riqueza da sua flora e fauna recebeu a classificação de Parque Natural,  é um lugar aprazível para a realização de percursos pedestres na natureza, onde  podem ser observadas águias, veados e javalis selvagens que vivem entre castanheiros e carvalhos.

De origem romana, a cidade de Portalegre apresenta bonitas casas do período Barroco e da Renascença, mas a  existência de megalitos na região mostra que esta também  terá sido povoada em tempos pré-históricos.

A nível patrimonial, o concelho de Portalegre oferece uma grande variedade de igrejas, conventos, castelos e fontes que podem visitar e das quais destaco a Sé Catedral,o Museu Municipal, a Casa-Museu José Régio, Museu da Tapeçaria Guy Fino, Museu Robinson, Convento de Santa Clara, entre outros que podem consultar aqui e aqui 

 

Podem também  disfutar da sombra da  emblemática "árvore de Portalegre" - o Plátano do Rossio com os seus respeitáveis 180 anos que obteve o 2ºlugar no concurso no “TREE OF THE YEAR 2019” .

No distrito de Portalegre podem ainda visitar  algumas das mais bonitas vilas do país, como Marvão, situada na escarpa da Serra de São Mamede, Castelo de Vide, Crato, Alter do Chão e a cidade de Elvas.


A gastronomia do concelho é igualmente  rica e variada. Degustem a famosa açorda,  a sopa de tomate,  a sopa de feijão com couve, a alhada de cação,a  sopa de cachola e as migas (que podem ser de pão ou de batata)…

 

Quanto aos doces, imperam os de natureza conventual, os deliciosos rebuçados de ovos, o toucinho do céu, o manjar banco e a lampreia de Portalegre.

 

No âmbito da doçaria mais tradicional  deliciem-se com as boleimas (a tradicional feita apenas de massa de pão com  acuçar e canela,  e as variantes mais recentes  - boleima de maçã, boleima de noz, boleima de chila…) os bolos fintos e  as famosas amêndoas de Portalegre. ( que podem  ser adquiridas através do facebook no perfil do Restaurante Tomba Lobos).

Espero que este pequeno texto aguce a vossa curiosidade e visitem esta Linda Cidade.  

 

Nota : este texto demora cerca de 3 min a ler.

 

Locais para ver antes de morrer

 

 

6fd703fb61f91db27f6e1ea6ad64e7ba.jpg

Taj Mahal - Fotografia retirada do Pinterest

 

 

 

Muitos por aqui "falam" sobre coisas que gostavam de fazer antes de morrer, eu hoje resolvi escrever sobre locais que gostava de Ver/Conhecer antes de morrer.

  1. Estados Unidos da América - Nova York (ver o acender da árvore de natal no Rockfeller Center,  conhecer o Central Park, ver a Estátua da Liberdade, o Metropolitan Museum of Art…;
  2. China - passear pela grande muralha, ver os soldados de Terracota, os arrozais de Yangshuo, os pandas de Chengdu…;
  3. Inglaterra - Os Dólmenes de Stonehenge, o Big Ben, London Eye, Tower Bridge Tate Modern, Oxford, Cambridge…;
  4. México - Tulum, Cancun, os  Templos de Palenque, Chichén Itzá…;
  5. Rússia - A Catedral de San Basilio em Moscovo, o kremelin, a Catedral do Sangue Derramado e o Museu Hermitage em São Petersburgo, 0 Bunker do Stalin em Samara…
  6. Itália - a cidade de Burano, a cidade de Matera, a cidade de Alberobello e os trullis (construções de pedra com telhados em forma de cone) as cidades de Verona, Florenza, Milano, Roma…;
  7. Jordânia - Petra, Ruínas de Jerash, Anfiteatro de Amã, mar morto…;
  8. Grécia - Santorini, Mykonos, Atenas, Creta….;
  9. Dubai…;
  10. Holanda - Amesterdão…;
  11. Polónia - Cracóvia (A Fábrica de Schindler, A Praça dos Heróis do Gueto, O Museu subterrâneo de Cracóvia, Kazimierz – O Bairro Judeu, os campos de concentraçãode Auschwitz e Birkenau  e muito mais
  12. Austrália…
  13. Tailândia …
  14. Noruega - para ter a possibilidade de ver as auroras bureais e os fiordes.
  15. Indonésia - Bali...;
  16. India - Taj Mahal…;
  17. Egito…;
  18. Austrália…;
  19. Singapura…;
  20. Hungria...

Por hoje fico por aqui.

Não querendo fazer uma lista demasiado extensa estes são apenas alguns dos locais que gostaria de conhecer, ainda que já os conheça um pouco através de documentários, de videos feito por “blogueres” e através de alguns programas do género do “ Portugueses pelo Mundo” (transmitido pela RTP e também disponível no Youtube)

E na vossa lista está algum destes destinos ?

 

Nota:este texto demora cerca de 3 min a ler

 

O Impacto das Redes Sociais na nossa vida

8b8c01dd93134b388c757b0386ad6d1b.jpg

As redes sociais, Facebook, Instagram, Twiter, Linkedin…etc são excelentes ferramentas para estarmos em contacto com pessoas. Através delas temos a possibilidade de partilhar as nossas atividades, as nossas opiniões, obter uma panóplia de informações e manter contato com amigos e família que geograficamente estejam distantes.

Usando estas plataformas ficamos ligados ao mundo e em tempo real vamos  tendo conhecimento do que está a acontecer.

Se bem que a utilização destas redes nos dá a sensação de estarmos acompanhados, por outro lado cria em nós uma dependência. 

Dependência esta que em algumas pessoas poderá dar origem a estados de ansiedade.

Senão, vejamos as horas que cada um de nós passa nessas redes e a sensação que temos quando  nos vemos privados desse acesso.

Poderá esta dependência ser considerada uma doença?

Não sendo especialista na área e fazendo apenas uso do senso comum e do que fui observando ao longo dos tempos acredito que  sim.

 

Verifiquei que:

  • Muitas das pessoas que possuem contas  nas redes sociais  ficam nervosas quando não conseguem consultar as  notificações a cada cinco minutos;
  • Muitas delas interrompem as conversas para estarem a ver as notificações;
  • Muitas perdem o interesse em praticar outras atividades e em estar com as pessoas;
  • Estão recorrentemente a comparar a sua vida à dos outros (assumem como verdade tudo o que é publicado. Estas situações poderão dar origem a depressões e ressabiamentos. Esquecem-se que a maioria das  pessoas só publica as coisas boas porque ninguém tem interesse em ver as menos boas);
  • Pessoas que já tentaram reduzir o tempo que passam nas redes sociais mas sem sucesso;
  • Pessoas que diminuem a produtividade quer no posto de trabalho que em casa;
  • Pessoas que gastam mais de 7 horas por dia nas redes sociais;
  • Pessoas que nunca largam o telemóvel;
  • Pessoas que sentem necessidade de partilhar todos os aspetos da sua vida nas redes sociais e obter gostos pelas mesmas.(quando a publicação tem poucos likes entram em stress);
  • Pessoas que enviam pedidos  de amizade para conhecidos e desconhecidos para conseguirem muitos gostos e desta forma alimentarem o seu ego;
  • Têm muitos amigos nas redes sociais e muito poucos ou nenhum real...

 

Fisicamente as consequências do uso excessivo das redes sociais  serão:

  • Dores no pescoço: seja no telemóvel seja no computador. Se no primeiro a cabeça fica inclinada para baixo, na segunda o utilizador mantém uma posição muito rígida;
  • Cãibras nas mãos: quer seja na utilização do rato e teclado quando se usa um computador, como no telemóvel no deslizar constante dos “separadores” e na escrita;
  • Dores no punho: os movimentos repetitivos  poderão igualmente originar inflamações e dores;
  • Desgaste da visão. Não só os nossos olhos sofrem com a luz  forte que emana dos aparelhos, como também o facto de ser a primeira coisa que fazem quando acordam e a última coisa que fazem antes de dormir pode atrapalhar o descanso do cérebro.     

 

É comum nos dias de hoje seja em cafés, na praia e mesmo em casa encontrar as pessoas reunidas, no entanto ao contrário do que acontecia antigamente elas não comunicam, limitam-se a estar juntas fisicamente mas ligadas nas redes sociais através dos seus telemóveis.

Sobre o uso das redes sociais gostaria de conhecer a vossa opinião e coloco-vos três questões: 

1 - Será que as redes sociais nos fazem mesmo companhia, ou será que nos isolam ainda mais a ponto de estarmos sós no meio de uma multidão?
2 - Quantas atividades  já deixaram de fazer para estar  nas redes sociais?
3 - Por último consideram esta dependência uma doença ?

Nota: Reconheço que o uso das redes socais e internet é benéfico, no entanto devemos fazer um uso inteligente e consciente das mesmas não permitindo que esta utilização nos prejudique quer física quer mentalmente e muito menos que nos prive do contacto face to face e da companhia dos amigos reais.

 

Pág. 1/2